Tendências para o Inverno 20/21: resumo das semanas de moda

Sabe qual é a parte boa e a ruim de assistir os desfiles das Semanas de Moda Internacionais? A parte boa é que estamos uma estação na frente (no caso seria atrás, mas…) e no nosso inverno, podemos usar as tendências que eles apresentam agora. A parte ruim é que não encontramos as peças apresentadas. Mas, já podemos ir nos preparando para usar o que vai estar em alta. Por isso, assisti dezenas de desfiles (pela internet, porque não fui em nenhuma Fashion Week dessa vez) para poder fazer esses textos cheio de informações de moda para vocês. Preparadas, fashionistas?

O que virá como tendência forte

– Preto reina absoluto

Foi a cor que eu mais vi peças durante os desfiles. Em alguns momentos, o preto reinou absoluto na passarela. Em ternos, gravatas, vestidos, botas, mocassins, camisas, blusas, peças maxis, meias. Em tudo praticamente. Se eu tivesse que apostar em somente uma cor para o Inverno 20/21, seria o preto. Em segundo lugar o offwhite e em terceiro lugar o marrom. Mas, as cores coloridas (hahahaha adoro usar esse termo), estão em tons lindos também.

– Xadrez

No desfile da Burberry, foi um look xadrez atrás do outro (como já é de esperar). Mas praticamente todas as marcas que realizaram seus desfiles das coleções de Outono Inverno tinha peças em vários tipos e cores de xadrez. Na verdade, vi praticamente todas as peças com xadrez. Blazer, calça, saia, camisa, trench coat, etc. Então, pode apostar no xadrez que é super tendência, baby. Minha ideia de look ideal para xadrez, é uma saia xadrez com uma camisa branca, uma jaqueta jeans e uma bota preta de cano baixo. Não esqueça os óculos gigantes cobrindo seu rosto.

– Estampas mais discretas

Vimos muitas estampas lindas especialmente em dois desfiles que eu amei, Moschino e Zimmermann. Estampas florais, estampas mais discretas, com cores mais discretas. Mas, ao mesmo tempo, vimos estampas maxi e clean no desfile de Carolina Herrera. Portanto, é uma tendência. Esqueça as estampas que fujam desses que mencionei. Os florais virão com flores menores e nas estampas maxi, elas serão gigantes. Pode apostar. Para combinar com algo nesse esquema floral, que tal um sapato no tom de lavanda?

– Cores fortes e vibrantes

Se você assistir o desfile da Gucci e o desfile da Dior, vai ver muitas diferenças. O desfile da Dior foi normal, sem muitas surpresas e com tons muito sóbrios (eu poderia dizer xoxos). O desfile da Gucci foi cheio de cores, algumas misturadas em diferentes tecidos. Coisa mais linda. Duas grandes marcas da moda mundial, com tantas diferenças. Como mencionei, o preto vai dominar a parada, porém ele vem cheio de coadjuvantes. Amarelo, vermelho, azul royal, marrom, dourado, tons mais tranquilos de azuis, verdes, rosa claro, pink e outros. O que não faltam, são opções para a gente brincar com as peças.

– Sapato com meia

Gente, confesso que se minha mãe der uma olhada nisso, ela vai falar que a pessoa saiu de casa toda errada. Mas não. É uma tendência que eu vi em todos os desfiles que dei uma espiada (espiada é modo de dizer, pois assisti tudo e ainda anotava os detalhes). Sapatos mocassins de diversas cores, com meias longas brancas até o joelho. Scarpins com meias pretas (daquele tecido tipo meia calça) até a metade da perna. Enfim, muitas formas de usar e acho que se soubermos combinar, vai ficar uma produção TÃÃÃOOOOO fashionista, que vai ser babado.

– Peças maxis

Vi muitas blusas de lã (especialmente no desfile da Balmain) no estilo maxi (enormes e pareciam jogadas no corpo), vi casacos enormes quase que arrastando no chão. Botas que chegavam até a metade da coxa. Ou seja, muitos tipos de peças sendo maxis. E eu adorei isso. Por isso, acredito que seja uma tendência sim e que podemos apostar. Que tal montar um look com uma blusa bem maxi de lã e uma calça bem justa com uma bota? Vai ficar demais.

– Alfaiataria de várias maneiras

Eu vi muitas versões de peças de alfaiataria. Vi peças enormes com ombros largos, vi peças perfeitas, como aqueles terninhos sem defeitos, vi calças displicentes com movimento único. Muita coisa boa para a gente escolher. Mas não aposte em alfaiataria estampada. No máximo um xadrez. De resto, pode apostar até nos tecidos de couro (fake de preferência).

– Mistura de texturas

Vimos muitas misturas de texturas entre tecidos. Do tipo, renda com couro, ou linho com seda. Vimos isso nas peças de roupas e também nos calçados (mas já adianto que isso é uma tendência que já vai estar presente nessa coleção de Inverno 2020 que já encontramos nas lojas). Então, podemos apostar muito forte nessa tendência, pois ela já está em alta. Podemos já ir treinando e o bom é que nessa saga dos textos que postei aqui no site, vocês podem ter várias opções de inspirações.

O que deixou de ser tendência

– Animal Print

Muito gente ama e muita gente detesta. Eu sou do grupo que ama um animal print e fiquei chateada por essa estampa deixar de ser tendência. Mas, teve um reinado longo no decorrer das últimas temporadas. Até sapato foi feito de animal print, então quem gosta teve a chance de usar muito. Por isso, não chorem. Quem sabe logo logo essa tendência não volta?!

– Acessórios de palha

Veio no verão, ficou no inverno, mas logo foi embora. Tudo bem que em todos os verões praticamente a gente pode encontrar peças com esse conceito de palha ou elementos naturais, mas a verdade é que as marcas estão fazendo outros tipos de produtos e esse não foi algo que apareceu nos desfiles dessa temporada.

– Cores em tons neon

Esse vou ficar triste, pois estava amando essa vibe neon. Em todos seus tons. Aliás, vi muito na temporada passada neon com animal print junto numa mesma peça. Mas dessa vez, o neon deixar de reinar e deu lugar a cores mais sólidas, como o azul, o vermelho, preto e amarelo. Aliás, gosto de dizer que vi um reinado de cores sólidas em muitas peças e achei isso o máximo. E os looks monocromáticos ainda estão em alta e vão continuar, ok?!

Gostou do texto? Compartilha com seus amigos fashionistas. Tenho certeza que eles vão amar saber de tudo isso.